Orpheus, de Franz Stuck

sábado, 5 de março de 2011

Uma música de Dé, Bebel e Cazuza.

Preciso dizer que eu te amo.


Quando a gente conversa
Contando casos, besteiras
Tanta coisa em comum
Deixando escapar segredos
E eu não sei que hora dizer
Me dá um medo, que medo

É que eu preciso dizer que eu te amo
Te ganhar ou perder sem engano
É, eu preciso dizer que eu te amo tanto

E até o tempo passa arrastado
Só pra eu ficar do teu lado
Você me chora dores de outro amor
Se abre e acaba comigo
E nessa novela eu não quero
Ser teu amigo

É que eu preciso dizer que eu te amo
Te ganhar ou perder sem engano
É, eu preciso dizer que eu te amo tanto

Eu já nem sei se eu tô misturando
Eu perco o sono
Lembrando em cada riso teu
Qualquer bandeira
Fechando e abrindo a geladeira
A noite inteira

Eu preciso dizer que eu te amo
Te ganhar ou perder sem engano
Eu preciso dizer que eu te amo tanto




Composição: Dé, Bebel Gilberto e Cazuza.





3 comentários:

  1. Cazuza deixou saudade.
    Li recentemente "Faz parte do meu show", livro psicografado sobre o roqueiro exagerado e apaixonado pela vida...
    Dé, Bebel e Cazuza fizeram uma ótima parceira.

    ResponderExcluir
  2. Não gostei do livro psciografado, achei ele incompleto, mas tem essa "verdadeira psicografia do cazuza" de 1996 que muito mais interessante que o livro: http://www.4shared.com/document/qvQupRbL/PSICOGRAFIA_-_CAZUZA.html

    ResponderExcluir