Orpheus, de Franz Stuck

domingo, 27 de maio de 2012

Abajur Lilás - Plínio Marcos

Ontem, fui assistir a peça ''Abajur Lilás'', interpretada por um grupo teatral português  no Teatro da Cerca de São Bernardo, em Coimbra. Trata-se de uma peça teatral brasileira, cujo autor é Plínio Marcos, escritor que escreveu, sobretudo, na ditadura militar. A peça conta o drama de três prostituas que sofrem com as explorações de um cafetão e de um mundo injusto, marginalizado e violento. A peça tem como pano de fundo o contexto da ditadura militar brasileira.

Vale a pena assistir e também ler a peça, que trata-se de uma ferrenha crítica ao regime ditatorial e suas torturas, lançando olhar sobre  um assunto que é, comumente, posto de lado, a prostituição. A peça tem ainda uma veia cômica.

Mais informações aqui: http://weblog.aescoladanoite.pt/?p=6413



'' Que será da luz difusa do abajur lilás 
se nunca mais vier a iluminar 
outras noites iguais?'' 

- Que será, música de Dalva de Oliveira

Nenhum comentário:

Postar um comentário